Com a sequência de pagamentos do Programa de Integração Social (PIS), é natural que muitos brasileiros encontrem-se em dúvidas e por isso trouxemos um guia completo sobre como Consultar Número do PIS para que você fique preparado no momento de consultar ou obter o seu PIS.

Antes de qualquer coisa o PIS 2022 é, basicamente, uma contribuição empresarial relacionada ao benefícios do seguro desemprego e outros benefícios direcionados ao colaborador.

Continue acompanhando este manual prático e tire todas as suas dúvidas em relação às formas de consultar o número do PIS via CPF, pelo App ou na internet!

Consultar Número do PIS 2022

Consultar Número do PIS 2022

Número do PIS

O número do PIS é de suma relevância para todos os trabalhadores brasileiros que estão adequados às normas deste benefício que é pago anualmente.

Todavia, somente quem dispõe de toda a documentação necessária é que poderá obter as vantagens. Sendo assim, o número do PIS também é indispensável neste quesito, propiciando as melhores condições de consulta ou pagamento do PIS 2022.

Neste sentido, indicamos que esse tipo de consulta é bastante prático e pode ser feito de três formas primárias: pelo CPF, pela internet ou ainda pelo telefone. Entenda cada uma das opções e aproveite!    

Consulta Número PIS pelo CPF

A consulta número PIS pelo CPF é uma das mais práticas da atualidade e pela facilidade trata-se do método mais buscados pelos usuários. Aqui, é importante frisar sobre a consulta via aplicativo Caixa Trabalhador. Acompanhe: 

  1. Acesse a loja de aplicativos do seu dispositivo móvel (Apple Store ou Google Play Store);
  2. Busque por “Caixa Trabalhador” e solicite “Instalar”;
  3. Ao completar o processo de instalação, verifique se há atualizações pendentes;
  4. Clique em entrar e faça um login com seus dados que precisam ser previamente cadastrados no site do portal Meu INSS;
  5. Selecione “Avançar” e passe pelo procedimento de segurança;
  6. Uma vez com acesso irrestrito ao portal, indique o campo “Número do PIS” e depois “Consultar”;
  7. Agora, siga até a aba “Detalhar” para enfim verificar qual o seu número do PIS. E pronto! 

Importante: Outro aplicativo que também permite esse tipo de consulta é o “CTPS Digital”. Ele é 100% gratuito e compatível tanto com o sistema operacional Android quanto iOS.  

Consulta Número PIS pela Internet

Quem preferir realizar a consulta do PIS pela internet pode beneficiar-se do portal Meu INSS, onde o mesmo tem a oportunidade de realizar outras consultas. Entenda como funciona e não perca mais tempo:

  1. Procure por “Meu INSS” em seu navegador ou utilize-se do link: https://meu.inss.gov.br/#/login;
  2. Selecione o campo “Entrar com gov.br”;
  3. Indo mais além, se você ainda não dispor de uma conta neste portal será obrigatório cadastrá-la previamente;
  4. Siga para “Cadastre-se” e preencha o formulário com seus dados pessoais;
  5. Não se esqueça dos meios de contato (endereço de e-mail e número de celular);
  6. Se tudo estiver correto, siga para “Enviar” e escolha uma senha de 8 dígitos com obrigatoriamente 1 letra maiúscula e 1 símbolo;
  7. Retorne ao portal “Meu INSS” e faça o seu login com os dados recém cadastrados;
  8. Clique em “Sou humano”;
  9. Prossiga até o menu inicial e escolha por “Consultas” e depois “Consultar número do PIS”;
  10. Enfim, você será informado sobre os dígitos de seu código pessoal;
  11. Anote bem e guarde a numeração consigo;
  12. Retorne ao menu primário para terminar a consulta e repita o procedimento quantas vezes julgar necessário! 

Obs.: Sempre que for necessário emitir um novo número do PIS, prefira um acesso no site: www.conectividade.caixa.gov.br. Todavia, entenda que o processo é complexo e as melhores opções resumem-se a consultar o número já existente. 

Consulta Número PIS pelo Telefone

Por conseguinte, a última opção muito atrativa refere-se a consulta do número do PIS pelo telefone. A ligação não gera custos adicionais e pode ser realizada de diferentes cantos do país.

Antes de fazer a sua ligação, entenda que a central de atendimento do INSS fica ativa durante 7 dias por semana e 24 horas por dia. Posto isso, veja como é simples efetuar tal consulta:    

  1. Ligue para o número da Previdência Social (135) ou utilize-se da rede 0800 7260207, referente ao atendimento do Caixa Cidadão;
  2. Aguarde o início da mensagem gravada e informe todos os seus dados pessoais, principalmente o número do CPF;
  3. Em sequência, escolha a última opção relacionada a “Falar com um atendente”;
  4. Espere o sistema encontrar um atendente disponível;
  5. Ao ser atendido, indique sua necessidade de obter a numeração do PIS;
  6. Para chegar até tal informação será obrigatório passar por uma série de perguntas pertinentes ao seu perfil ou prefira agendar uma consulta em uma das unidades do INSS.

Saque do PIS

Com o número do PIS em mãos, você pode seguir para uma consulta sobre os valores a receber ou ainda optar pelo saque de forma ágil e fácil.

Afinal de contas, é bastante provável que você esteja se perguntando quem tem acesso a este benefício. Sendo assim é valido destacar a definição primária da regra de adequação e seus respectivos requisitos. Veja só:

  • Ter um cadastro ativo no PIS/PASEP por um tempo mínimo de cinco anos;
  • Trabalhar, pelo menos, 30 dias durante o ano base;
  • Ter remunerações médias que não sobressaiam dois salários mínimos durante o ano base;
  • Dispor de um formulário preenchido com todos os seus dados na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS). Porém, entenda que tal cadastro deve ser efetuado pelo empregador anualmente.

Por outro lado, os valores a serem arrecadados são variáveis e seguem as determinações advindas da seguinte regra de cada faixa salarial com incidência direta no abono. 

O tempo de trabalho exercido também incidirá sobre o valor a ser recebido. Isto é, quem trabalho o ano base completo receberá mais do quem trabalhou por 6 messes e assim sucessivamente. Lembre-se disso! 

Ademais, para efetuar o saque do PIS, os beneficiários deverão escolher a forma mais adequada ao seu perfil dentre aquelas que são proporcionadas pelo Governo Federal do Brasil.

Logo, os trabalhadores que se enquadram nas regras podem obter seu pagamento das seguintes maneiras: Caixa Econômica Federal (estritamente para cotistas do PIS) ou via Banco do Brasil (indicado para os funcionários públicos).     

5/5 - (1 vote)
Categorias: Trabalhador

0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado.